"Sou uma mulher madura que às vezes anda de balanço, sou uma criança insegura que às vezes anda de salto alto" (Martha Medeiros)



Meu perfil
BRASIL, Nordeste, Mulher, Música, Livros, Jornalismo, Filmes
MSN - rosammagalhaes@hotmail.com


Histórico:

- 12/10/2008 a 18/10/2008
- 05/10/2008 a 11/10/2008
- 28/09/2008 a 04/10/2008
- 14/09/2008 a 20/09/2008
- 31/08/2008 a 06/09/2008
- 24/08/2008 a 30/08/2008
- 17/08/2008 a 23/08/2008
- 03/08/2008 a 09/08/2008
- 20/07/2008 a 26/07/2008
- 06/07/2008 a 12/07/2008
- 29/06/2008 a 05/07/2008
- 22/06/2008 a 28/06/2008
- 15/06/2008 a 21/06/2008
- 08/06/2008 a 14/06/2008
- 01/06/2008 a 07/06/2008
- 25/05/2008 a 31/05/2008
- 18/05/2008 a 24/05/2008
- 27/04/2008 a 03/05/2008
- 20/04/2008 a 26/04/2008
- 13/04/2008 a 19/04/2008
- 06/04/2008 a 12/04/2008
- 30/03/2008 a 05/04/2008
- 09/03/2008 a 15/03/2008
- 17/02/2008 a 23/02/2008
- 27/01/2008 a 02/02/2008
- 20/01/2008 a 26/01/2008
- 06/01/2008 a 12/01/2008
- 30/12/2007 a 05/01/2008
- 23/12/2007 a 29/12/2007
- 16/12/2007 a 22/12/2007
- 09/12/2007 a 15/12/2007
- 02/12/2007 a 08/12/2007
- 25/11/2007 a 01/12/2007
- 11/11/2007 a 17/11/2007
- 04/11/2007 a 10/11/2007
- 28/10/2007 a 03/11/2007
- 21/10/2007 a 27/10/2007
- 14/10/2007 a 20/10/2007
- 07/10/2007 a 13/10/2007
- 30/09/2007 a 06/10/2007
- 16/09/2007 a 22/09/2007
- 19/08/2007 a 25/08/2007
- 05/08/2007 a 11/08/2007
- 22/07/2007 a 28/07/2007
- 15/07/2007 a 21/07/2007
- 01/07/2007 a 07/07/2007
- 10/06/2007 a 16/06/2007
- 03/06/2007 a 09/06/2007
- 20/05/2007 a 26/05/2007
- 06/05/2007 a 12/05/2007
- 22/04/2007 a 28/04/2007
- 15/04/2007 a 21/04/2007
- 08/04/2007 a 14/04/2007
- 01/04/2007 a 07/04/2007
- 18/03/2007 a 24/03/2007
- 11/03/2007 a 17/03/2007
- 04/03/2007 a 10/03/2007
- 11/02/2007 a 17/02/2007
- 28/01/2007 a 03/02/2007
- 14/01/2007 a 20/01/2007
- 07/01/2007 a 13/01/2007
- 24/12/2006 a 30/12/2006
- 17/12/2006 a 23/12/2006
- 26/11/2006 a 02/12/2006
- 19/11/2006 a 25/11/2006
- 05/11/2006 a 11/11/2006
- 29/10/2006 a 04/11/2006
- 15/10/2006 a 21/10/2006
- 08/10/2006 a 14/10/2006
- 01/10/2006 a 07/10/2006
- 24/09/2006 a 30/09/2006
- 17/09/2006 a 23/09/2006
- 10/09/2006 a 16/09/2006
- 03/09/2006 a 09/09/2006
- 27/08/2006 a 02/09/2006
- 20/08/2006 a 26/08/2006
- 13/08/2006 a 19/08/2006
- 06/08/2006 a 12/08/2006
- 30/07/2006 a 05/08/2006
- 23/07/2006 a 29/07/2006
- 16/07/2006 a 22/07/2006
- 09/07/2006 a 15/07/2006
- 02/07/2006 a 08/07/2006
- 25/06/2006 a 01/07/2006
- 18/06/2006 a 24/06/2006
- 11/06/2006 a 17/06/2006
- 04/06/2006 a 10/06/2006
- 28/05/2006 a 03/06/2006
- 21/05/2006 a 27/05/2006
- 14/05/2006 a 20/05/2006
- 07/05/2006 a 13/05/2006
- 30/04/2006 a 06/05/2006
- 23/04/2006 a 29/04/2006
- 16/04/2006 a 22/04/2006
- 09/04/2006 a 15/04/2006
- 02/04/2006 a 08/04/2006
- 26/03/2006 a 01/04/2006
- 19/03/2006 a 25/03/2006
- 12/03/2006 a 18/03/2006
- 05/03/2006 a 11/03/2006
- 26/02/2006 a 04/03/2006
- 19/02/2006 a 25/02/2006
- 12/02/2006 a 18/02/2006
- 05/02/2006 a 11/02/2006
- 29/01/2006 a 04/02/2006
- 22/01/2006 a 28/01/2006
- 15/01/2006 a 21/01/2006
- 08/01/2006 a 14/01/2006
- 01/01/2006 a 07/01/2006
- 18/12/2005 a 24/12/2005
- 11/12/2005 a 17/12/2005
- 27/11/2005 a 03/12/2005
- 20/11/2005 a 26/11/2005
- 13/11/2005 a 19/11/2005
- 06/11/2005 a 12/11/2005
- 30/10/2005 a 05/11/2005
- 23/10/2005 a 29/10/2005
- 16/10/2005 a 22/10/2005
- 09/10/2005 a 15/10/2005
- 02/10/2005 a 08/10/2005
- 25/09/2005 a 01/10/2005
- 18/09/2005 a 24/09/2005
- 11/09/2005 a 17/09/2005



Outros sites:

- Academia Midiática
- Agecom - CEUT
- Aislin Nahimana
- Alexandre Júnior
- Anucha Melo
- Anucha Melo - Novo Blog
- Artes (com) trastes e traquinagens
- Artes (com) trastes e traquinagens - ano 2
- Blog da Any
- Blog da Tânia
- Blog do Américo
- Blog do Bira
- Blog do Daniel Lopes
- Blog do Deto
- Blog do Naeno
- Caixa de Marimbondos
- Camila Rabelo
- Cantos Gerais
- Coffee and Dreams
- Dois dedos na garganta
- D´notícias - Daniel Silva
- Eu Sou a Tal
- Farinhada
- Fran Carvalho
- Fran Carvalho - novo blog
- Hai-Kai - José Daniel Heldt
- Insana Insônia
- Intacta Retina
- Inversos Reversos - Juaum Ferreira
- Labigó Underground Art
- Luciano Klaus - Art Limited
- Mais Cadeiras - Jucélio Jr.
- Mariana Arraes
- Mariana Arraes - novo blog
- Morrer de Rir
- Mulé Burra
- Na Superfície da Alma
- O Distúrbio - Magnus Régis
- O Manual da Boneca
- Observatório da Imprensa
- Olhares
- Overmundo
- Portal Imprensa
- Procronesias - Samara Eugênia
- Quer Dizer
- Ranchinho de Poesias
- Recanto das Letras - George Paes
- Revista Piauí
- Ricardo Noblat
- SomdeCordeMim - Sanka
- Sylvio Edgard
- Tribo Éthnos
- Um Cara Estranho
- Vai te a porra
- Odes Mínimas
- Verão e Inferno


Votação:

- Dê uma nota para meu blog





Contador:

Layout:



Para todas as mulheres que, como eu, adoram uma massagem no ego...

                As Mulheres de Trinta
                      (Mário Prata)

O que mais as espanta é que, de repente, elas percebem que já são balzaquianas. Mas poucas balzacas leram A Mulher de Trinta, do Honoré de Balzac, escrito há mais de 150 anos. Olhe o que ele diz: “Uma mulher de trinta anos tem atrativos irresistíveis. A mulher jovem tem muitas ilusões, muita inexperiência. Uma nos instrui, a outra quer tudo aprender e acredita ter dito tudo despindo o vestido. (...) Entre elas duas há a distância incomensurável que vai do previsto ao imprevisto, da força à fraqueza. A mulher de trinta anos satisfaz tudo, e a jovem, sob pena de não sê-lo, nada pode satisfazer”. Madame Bovary, outra francesa trintona, era tão maravilhosa que seu criador chegou a dizer diante dos tribunais: “Madame Bovary c’ést moi”.  E a Marylin Monroe que fez tudo aquilo entre 30 e 40? Mas voltemos à nossa mulher de trinta, a brasileira-tropicana, aquela que podemos encontrar na frente das escolas pegando os filhos ou num balcão de bar bebendo um chope sozinha. Sim, a mulher de trinta bebe. A mulher de trinta é morena. Quando resolve fazer a besteira de tingir os cabelos de amarelo-hebe passam, automaticamente a terem 40. E o que mais encanta nas de trinta é que parecem que nunca vão perder aquele jeitinho que trouxeram dos 20. Mas, para isso, como elas se preocupam com a barriguinha. A mulher de trinta está para se separar. Ou já se separou. São raras as mulheres que passam por esta faixa sem terminar um casamento. Em compensação, ainda antes dos quarenta elas arrumam o segundo e definitivo. A grande maioria têm dois filhos. Geralmente um casal. As que ainda não tiveram filhos se tornam um perigo, quando estão ali pelos 35. Periga pegarem o primeiro quarentão que encontrarem pela frente. Elas querem casar. Elas talvez não saibam, mas são as mais bonitas das mulheres. Acho até que a idade mínima para concurso de miss deveria ser 30 anos. Desfilam como gazelas, embora eu nunca tenha visto uma (gazela). Sorriem e nos olham com uns olhos claros. Já notou que elas têm olhos claros? E as que usam uns cabelos longos e ondulados e ficam a todo momento jogando as melenas para trás? É de matar. O problema com esta faixa de idade é achar uma que não esteja terminando alguma tese ou TCC. E eu pergunto: existe algo mais excitante do que uma médica de 32 anos, toda de branco, com o estetoscópio balançando no decote do seu jaleco diante daqueles hirtos seios? E mulher de trinta guiando jipe? Covardia. A mulher de trinta ainda não fez plástica. Não precisa. Está com tudo em cima.  Ela, ao contrário das de vinte, nunca ficaram. Quando resolvem vão pra valer. Fazem sexo como se fosse a última vez. A mulher de trinta morde, grita, sua como ninguém. Não finge. Mata o homem, tenha ele vinte ou 50. E o hálito, então? É fresco. E os pelinhos nas costas, lá pra baixo, que mais parecem pele de pêssego, como diria o Machado se referindo a Helena que, infelizmente, nunca chegou aos 30? Mas o que mais me encanta nas mulheres de trinta é a independência. Moram sozinhas e suas casas tem ainda um frescor das de 20 e a maturidade das de 40. Adoram flores e um cachorrinho pequeno. Curtem janelas abertas. Elas sabem escolher um travesseiro. E amam quem querem, a hora que querem e onde querem. E o mais importante: do jeito que desejam. São fortes as mulheres de trinta. E não têm pressa pra nada. Sabem onde vão chegar. E sempre chegam.

Chegam lá atrás, no Balzac: “a mulher de trinta anos satisfaz tudo”. Ponto. Pra elas.

www.marioprataonline.com.br

     








- Postado por: Oda Mae às 11:25
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Homenagem

Hoje é o Dia do Compositor Brasileiro. Queria homenagear essas pessoas que nos falam com o espírito, que traduzem a vida e a alma humana de maneira tão grandiosa. Poderia citar muitos e bons compositores, ou pelo menos os meus preferidos, mas preferi falar o pouco que sei sobre um artista capixaba, pouco conhecido do grande público, chamado Sérgio Sampaio, que despontou no cenário musical brasileiro nos anos 70, apadrinhado por Raul Seixas e segundo Bruno Ribeiro (Correio Popular, 2000), "foi uma das raríssimas estrelas que morreram antes mesmo de nascer".
Mesmo tendo gravado apenas três discos, as composições de Sérgio Sampaio ainda hoje servem como fonte de inspiração para artistas da música brasileira, como Zeca Baleiro, que gravou  "Tem Que Acontecer" no seu segundo cd "Vô Imbolá".
Aqui, uma pequena amostra do seu talento, que Sérgio Sampaio apresentou no Festival Internacional da Canção, há 33 anos atrás.

Eu Quero é Botar Meu Bloco na Rua
(Sérgio Sampaio)

Há quem diga que eu dormi de touca
Que eu perdi a boca, que eu fugi da briga
Que eu caí do galho e que não vi saída
Que eu morri de medo quando o pau quebrou

Há quem diga que eu não sei de nada
Que eu não sou de nada e não peço desculpas
Que eu não tenho culpa, mas que eu dei bobeira
E que Durango Kid quase me pegou

Eu, por mim, queria isso e aquilo
Um quilo mais daquilo, um grilo menos disso
É disso que eu preciso ou não é nada disso
Eu quero todo mundo nesse carnaval...

Eu quero é botar meu bloco na rua
Brincar, botar pra gemer
Eu quero é botar meu bloco na rua
Gingar, pra dar e vender


Para saber mais:

www.samba-choro.com.br/artistas/sergiosampaio
www.mpbnet.com.br/musicos/sergio.sampaio
 
     








- Postado por: Oda Mae às 10:24
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




De alma nova, novinha...

                             

Bom, pela minha carinha na foto nem preciso comentar que o show do Zeca Baleiro foi tuuuuuuudo! Precisa??? Mas eu comento assim mesmo...Valeu toda a expectativa, o Zeca agradou em cheio, como sempre! E eu, que sou fã pentelha mesmo, não podia deixar de registrar tudo, afinal quando for jornalista vou ter que me comportar melhor... Enquanto isso vou aproveitando, quase roubando o boné do moço, autografando tudo que eu consegui levar, alugando os preciosos ouvidos dele... rsrsrsrs
E de quebra, a letra de Alma Nova, porque foi assim que saí do show, com a alma bem mais leve.

Alma Nova
Composição: Zeca Baleiro e Fernando Abreu

Sempre que te vejo assim
linda nua e um pouco nervosa
minha velha alma
cria alma nova
quer voar pela boca
quer sair por aí
e eu digo
calma alma minha
calminha
ainda não é hora de partir
então ficamos
minha alma e eu
olhando o corpo teu
sem entender
como é que a alma entra nessa história
afinal o amor é tão carnal
eu bem que tento
tento entender
mas a minha alma não quer nem saber
só quer entrar em você
como tantas vezes já me viu fazer
e eu digo
calma alma minha
calminha
você tem muito o que aprender








- Postado por: Oda Mae às 11:52
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Anjos

Li em algum lugar a seguinte frase: "somos anjos com uma asa só, e só podemos voar abraçados uns aos outros". É verdade. A asa que nos completa às vezes vem de onde menos esperamos, às vezes vem de alguém que está sempre com a gente, e é uma dádiva.
Hoje de manhã cedo, tive a grata surpresa de ler um texto feito pra mim no blog da maninha Any (www.aosolhosdeumamulher.zip.net) intitulado "Com Clareza", e fiquei imensamente feliz com isso. Aqueci minhas asas, aqueci meu coração e o dia ganhou um outro sentido, ficou mais cheio de cores, mais cheio de luz.
Quanto aos meus sonhos, ainda há muito o que fazer, muito pelo que lutar, e até lá é preciso dedicação e paciência. Afinal, tudo que há de melhor na vida é conquistado sempre com muito suor. Mas sei que será mais fácil trilhar esse caminho se nele estiverem também meus anjos da guarda, que costumo chamar também de AMIGOS.
Ah, "Rosa Bonner" soa muito bem... 








- Postado por: Oda Mae às 11:49
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________