"Sou uma mulher madura que às vezes anda de balanço, sou uma criança insegura que às vezes anda de salto alto" (Martha Medeiros)



Meu perfil
BRASIL, Nordeste, Mulher, Música, Livros, Jornalismo, Filmes
MSN - rosammagalhaes@hotmail.com


Histórico:

- 12/10/2008 a 18/10/2008
- 05/10/2008 a 11/10/2008
- 28/09/2008 a 04/10/2008
- 14/09/2008 a 20/09/2008
- 31/08/2008 a 06/09/2008
- 24/08/2008 a 30/08/2008
- 17/08/2008 a 23/08/2008
- 03/08/2008 a 09/08/2008
- 20/07/2008 a 26/07/2008
- 06/07/2008 a 12/07/2008
- 29/06/2008 a 05/07/2008
- 22/06/2008 a 28/06/2008
- 15/06/2008 a 21/06/2008
- 08/06/2008 a 14/06/2008
- 01/06/2008 a 07/06/2008
- 25/05/2008 a 31/05/2008
- 18/05/2008 a 24/05/2008
- 27/04/2008 a 03/05/2008
- 20/04/2008 a 26/04/2008
- 13/04/2008 a 19/04/2008
- 06/04/2008 a 12/04/2008
- 30/03/2008 a 05/04/2008
- 09/03/2008 a 15/03/2008
- 17/02/2008 a 23/02/2008
- 27/01/2008 a 02/02/2008
- 20/01/2008 a 26/01/2008
- 06/01/2008 a 12/01/2008
- 30/12/2007 a 05/01/2008
- 23/12/2007 a 29/12/2007
- 16/12/2007 a 22/12/2007
- 09/12/2007 a 15/12/2007
- 02/12/2007 a 08/12/2007
- 25/11/2007 a 01/12/2007
- 11/11/2007 a 17/11/2007
- 04/11/2007 a 10/11/2007
- 28/10/2007 a 03/11/2007
- 21/10/2007 a 27/10/2007
- 14/10/2007 a 20/10/2007
- 07/10/2007 a 13/10/2007
- 30/09/2007 a 06/10/2007
- 16/09/2007 a 22/09/2007
- 19/08/2007 a 25/08/2007
- 05/08/2007 a 11/08/2007
- 22/07/2007 a 28/07/2007
- 15/07/2007 a 21/07/2007
- 01/07/2007 a 07/07/2007
- 10/06/2007 a 16/06/2007
- 03/06/2007 a 09/06/2007
- 20/05/2007 a 26/05/2007
- 06/05/2007 a 12/05/2007
- 22/04/2007 a 28/04/2007
- 15/04/2007 a 21/04/2007
- 08/04/2007 a 14/04/2007
- 01/04/2007 a 07/04/2007
- 18/03/2007 a 24/03/2007
- 11/03/2007 a 17/03/2007
- 04/03/2007 a 10/03/2007
- 11/02/2007 a 17/02/2007
- 28/01/2007 a 03/02/2007
- 14/01/2007 a 20/01/2007
- 07/01/2007 a 13/01/2007
- 24/12/2006 a 30/12/2006
- 17/12/2006 a 23/12/2006
- 26/11/2006 a 02/12/2006
- 19/11/2006 a 25/11/2006
- 05/11/2006 a 11/11/2006
- 29/10/2006 a 04/11/2006
- 15/10/2006 a 21/10/2006
- 08/10/2006 a 14/10/2006
- 01/10/2006 a 07/10/2006
- 24/09/2006 a 30/09/2006
- 17/09/2006 a 23/09/2006
- 10/09/2006 a 16/09/2006
- 03/09/2006 a 09/09/2006
- 27/08/2006 a 02/09/2006
- 20/08/2006 a 26/08/2006
- 13/08/2006 a 19/08/2006
- 06/08/2006 a 12/08/2006
- 30/07/2006 a 05/08/2006
- 23/07/2006 a 29/07/2006
- 16/07/2006 a 22/07/2006
- 09/07/2006 a 15/07/2006
- 02/07/2006 a 08/07/2006
- 25/06/2006 a 01/07/2006
- 18/06/2006 a 24/06/2006
- 11/06/2006 a 17/06/2006
- 04/06/2006 a 10/06/2006
- 28/05/2006 a 03/06/2006
- 21/05/2006 a 27/05/2006
- 14/05/2006 a 20/05/2006
- 07/05/2006 a 13/05/2006
- 30/04/2006 a 06/05/2006
- 23/04/2006 a 29/04/2006
- 16/04/2006 a 22/04/2006
- 09/04/2006 a 15/04/2006
- 02/04/2006 a 08/04/2006
- 26/03/2006 a 01/04/2006
- 19/03/2006 a 25/03/2006
- 12/03/2006 a 18/03/2006
- 05/03/2006 a 11/03/2006
- 26/02/2006 a 04/03/2006
- 19/02/2006 a 25/02/2006
- 12/02/2006 a 18/02/2006
- 05/02/2006 a 11/02/2006
- 29/01/2006 a 04/02/2006
- 22/01/2006 a 28/01/2006
- 15/01/2006 a 21/01/2006
- 08/01/2006 a 14/01/2006
- 01/01/2006 a 07/01/2006
- 18/12/2005 a 24/12/2005
- 11/12/2005 a 17/12/2005
- 27/11/2005 a 03/12/2005
- 20/11/2005 a 26/11/2005
- 13/11/2005 a 19/11/2005
- 06/11/2005 a 12/11/2005
- 30/10/2005 a 05/11/2005
- 23/10/2005 a 29/10/2005
- 16/10/2005 a 22/10/2005
- 09/10/2005 a 15/10/2005
- 02/10/2005 a 08/10/2005
- 25/09/2005 a 01/10/2005
- 18/09/2005 a 24/09/2005
- 11/09/2005 a 17/09/2005



Outros sites:

- Academia Midiática
- Agecom - CEUT
- Aislin Nahimana
- Alexandre Júnior
- Anucha Melo
- Anucha Melo - Novo Blog
- Artes (com) trastes e traquinagens
- Artes (com) trastes e traquinagens - ano 2
- Blog da Any
- Blog da Tânia
- Blog do Américo
- Blog do Bira
- Blog do Daniel Lopes
- Blog do Deto
- Blog do Naeno
- Caixa de Marimbondos
- Camila Rabelo
- Cantos Gerais
- Coffee and Dreams
- Dois dedos na garganta
- D´notícias - Daniel Silva
- Eu Sou a Tal
- Farinhada
- Fran Carvalho
- Fran Carvalho - novo blog
- Hai-Kai - José Daniel Heldt
- Insana Insônia
- Intacta Retina
- Inversos Reversos - Juaum Ferreira
- Labigó Underground Art
- Luciano Klaus - Art Limited
- Mais Cadeiras - Jucélio Jr.
- Mariana Arraes
- Mariana Arraes - novo blog
- Morrer de Rir
- Mulé Burra
- Na Superfície da Alma
- O Distúrbio - Magnus Régis
- O Manual da Boneca
- Observatório da Imprensa
- Olhares
- Overmundo
- Portal Imprensa
- Procronesias - Samara Eugênia
- Quer Dizer
- Ranchinho de Poesias
- Recanto das Letras - George Paes
- Revista Piauí
- Ricardo Noblat
- SomdeCordeMim - Sanka
- Sylvio Edgard
- Tribo Éthnos
- Um Cara Estranho
- Vai te a porra
- Odes Mínimas
- Verão e Inferno


Votação:

- Dê uma nota para meu blog





Contador:

Layout:



Mais do que palavras

Gosto de falar através de muita coisa, o problema é que tem gente que não aprendeu a ler de verdade... Às vezes pego emprestado um poema, às vezes uma frase, mas dessa vez acho que a música diz tudo. Mais óbvio do que isso, só colocando num outdoor...

Eis o melhor e o pior de mim
O meu termômetro, o meu quilate
Vem cara, me retrate
Não é impossível, eu não sou difícil de ler
Faça sua parte
Eu sou daqui e não sou de Marte
Vem, cara, me repara
Não vê, tá na cara, sou porta-bandeira de mim
Só não se perca ao entrar
No meu infinito particular
Em alguns instantes
Sou pequenina e também gigante
Vem cara, se declara
O mundo é portátil
Pra quem não tem nada a esconder
Olha minha cara
É só mistério, não tem segredo
Vem cá, não tenha medo
A água é potável, daqui você pode beber
Só não se perca ao entrar
No meu infinito particular

(Infinito Particular - Marisa Monte)








- Postado por: Oda Mae às 09:45
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Um dia ela acordou meio louca e resolveu que metades são inúteis se não estiverem juntas de verdade,  grudadinhas uma na outra. Então revirou seu imenso baú de quinquilharias emocionais e decidiu fazer a tal faxina, prometida há tempos. Abriu as janelas da alma e deixou escapar para sempre aquelas coisinhas que guardava sem motivo algum, ocupando espaços preciosos. Decidiu que ensinaria sua boca a dizer não, que ensinaria seu coração a dizer mais sim e que poderia até enlouquecer de vez em quando, mas não mais do jeito que fazia antes. "Loucura sã também há de ser possível", ponderou. Reservou cantinhos para afagos, prateleiras para desejos ainda não realizados (muitas), pequeninas gavetas para tristezas ocasionais. Pronto, nada mais de metades! Aí descobriu que ficara sozinha, mas finalmente sem retalhos, inteirinha e só. Jogara fora metade de si mesma. Pensou: "e daí?" e sorriu leve. Começaria tudo de novo, enfim.






- Postado por: Oda Mae às 10:56
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________